A primera sessão para julgar a chapa Dilma-Temer terminou em pizza, TSE adiou o início do julgamento



O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, nesta terça-feira, convocar novos depoentes no processo contra a chapa Dilma-Temer, o que vai atrasar a tramitação. 


Os juízes também aceitaram o pedido de prazo adicional de cinco dias, apresentado pela defesa da ex-presidente Dilma Rousseff para apresentar as alegações finais no julgamento da chapa, que venceu a eleição presidencial em 2014.

Com as viagens do presidente do tribunal, ministro Gilmar Mendes, e o fato do prazo adicional só começar a contar após os depoimentos, o julgamento não tem data para ser retomado.

Os depoimentos ainda serão marcados, também sem prazo.

O corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Herman Benjamin, relator da ação, defendeu a celeridade do processo, lembrando que a eleição de 2014 será lembrada como a mais longa da história do Brasil devido à judicialização. "Não podemos transformar este processo em um processo sem fim", disse Benjamin.

Via Band
A primera sessão para julgar a chapa Dilma-Temer terminou em pizza, TSE adiou o início do julgamento A primera sessão para julgar a chapa Dilma-Temer terminou em pizza, TSE adiou o início do julgamento Reviewed by Unknown on 4.4.17 Rating: 5