Juiz decreta perda de mandato de Júnior Matuto, prefeito de Paulista


O juiz Leonardo Asfora, da 12ª Zona Eleitoral, determinou a perda dos mandatos eletivos e dos direitos políticos do prefeito e vice-prefeito de Paulista, no Grande Recife, Junior Matuto (PSB) e Jorge Carreiro (PCdoB), respectivamente. O magistrado alega abuso de poder econômico. A decisão foi publicada no Diário Oficial da Justiça Eleitoral nesta quarta-feira (14). 


Em sua decisão, Asfora a existência de "provas suficientes, atestando irregularidades e omissões graves na prestação de contas das eleições 2016, para a chapa de prefeito e vice deste município". Matuto, aliado do governador Paulo Câmara (PSB), foi reeleito em 2016 para mais quatro anos à frente da Prefeitura. 

Por meio de nota, a Prefeitura afirmou que o TRE-PE "julgou e considerou regular, aprovando por unanimidade, as contas da campanha eleitoral de 2016" e que a decisão da Corte torna sem fundamento a sentença pede o afastamento do prefeito e de seu vice.

Confira, abaixo, a íntegra da nota:

A chapa Junior Matuto/Jorge Carreiro reeleita pela maioria esmagadora do povo do Paulista, para governar o município por mais quatro anos, vem a público esclarecer que o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco julgou e considerou regular, aprovando POR UNANIMIDADE, as contas da campanha eleitoral 2016. Esta decisão do TRE, torna sem fundamento a sentença de primeira instância que aponta pelo afastamento do prefeito e de seu vice do exercício democrático de suas funções, já que a mesma está baseada na desaprovação das contas.

Via Folha-PE, Foto: Divulgação
Juiz decreta perda de mandato de Júnior Matuto, prefeito de Paulista Juiz decreta perda de mandato de Júnior Matuto, prefeito de Paulista Reviewed by Unknown on 30.6.17 Rating: 5