Renata Campos pode ser a vice na chapa de Geraldo Alckmin em 2018

Renata Campos e os filhos no 2º turno das eleições de 2014. (Foto: Roberto Pereira/Divulgação)
Renata Campos, viúva do ex-governador Eduardo Campos, foi citada como uma possível vice para concorrer à presidência da República com uma possível composição PSB/PSDB. A informação foi repassada por coluna do jornal Estadão. Segundo a publicação, Renata é nome preferido dos tucanos, seguido do prefeito de Salvador, ACM Neto.

O objetivo é fortalecer a chapa para a briga contra Lula e Bolsonaro com um nome do Nordeste. Geraldo Alckmin e João Doria são os prováveis nomes para encabeçar a chapa. "No caso de Renata, o acordo ainda facilitaria uma aliança nacional com o PSB, sonho antigo de Alckmin e que também interessa a Doria", diz a notícia.

Essa informação mexe diretamente no cenário de Pernambuco, pois obrigaria o PSDB a se alinhar com a reeleição do governador Paulo Câmara que teria Jarbas Vasconcelos na primeira vaga ao Senado e o ministro de Minas e Energia Fernando Filho na vice-governadoria.


A segunda vaga de senador por consequência seria destinada ao ministro das Cidades Bruno Araújo, que busca apenas o Senado e não o governo mas tem dialogado frequentemente com os demais ministros de Temer e os senadores Fernando Bezerra Coelho e Armando Monteiro em torno de um projeto conjunto.

A ida de Renata Campos para o plano nacional fecha a equação da Frente Popular e obriga o senador Armando Monteiro a fazer uma aliança com o PT, que internamente não quer lançar Marília Arraes a governadora.
Renata Campos pode ser a vice na chapa de Geraldo Alckmin em 2018 Renata Campos pode ser a vice na chapa de Geraldo Alckmin em 2018 Reviewed by Unknown on 18.7.17 Rating: 5